Das ruas, um susto nos marqueteiros (clique para ler)

A presidente ficou emburrada. Qualquer um ficaria, pois a Copa, alardeada como nossa grande conquista, transformou-se em milhares de vaias no superfaturado Mané Garrincha, praça esportiva que é um luxo só. Ao seu lado, o impoluto Joseph Blatter, tal qual um arauto da moralidade, teve ainda o descaramento de dar um pito nos brasileiros, recomendando fair play, belo slogan sob o qual se camuflam as falcatruas da esperta FIFA, a senhora que está faturando bilhões de dólares, arrancados, por meio de impostos, dos trabalhadores brasileiros.

Agora teremos arenas com cadeiras confortáveis, capazes de acomodar macios bumbuns de primeiro mundo, enquanto, em salas de aula terceiro-mundistas, nossas crianças continuarão condenadas à ignorância, de forma a, no futuro, contentarem-se com variados tipos de bolsas e a considerarem normal conviver com saúde de péssima qualidade, com estradas assassinas e sem segurança pública.

Mas as vaias não se esgotaram no Mané Garrincha. Espraiaram-se do norte ao sul. Os marqueteiros oficiais, que consomem boa parte dos impostos que pagamos, ficaram assustados. O que teria dado errado?

Tudo começou com uma pressão do até então pouco conhecido Movimento Passe Livre (MPL). Segundo seus dirigentes, trata-se de um movimento social que luta por um transporte verdadeiramente público. A ideia pareceu boa ao governo federal. Seria mais uma oportunidade para desgastar o governador de São Paulo, um oposicionista. O MPL paralisaria a maior cidade do país. Provocaria o caos, obrigando a polícia a agir, enquanto a imprensa replicaria, sem cessar, a sua “truculência”. Um problemão para Alckmin. Tudo por causa de 20 centavos. Um plano quase perfeito.

Mas o governo não contava com a adesão de milhões de jovens pelo Brasil afora, até mesmo em estados comandados por seus aliados. Esqueceram-se, o governo e seus marqueteiros, de que a juventude mais intelectualizada do país vinha acompanhando o que acontecia. Sentindo que sua inteligência estava sendo insultada, decidiu ir às ruas. Creio que considerou um acinte o fato de o partido que nos governa comemorar seus dez anos no poder. Ora, se em dez anos não conseguiu resolver os problemas que nos afligem e, ainda, por total falta de austeridade, está trazendo de volta a famigerada inflação, deveria ter sido econômico, coisa que não consegue, nas comemorações. Essa mesma juventude não se deixou enganar pela propaganda, não esqueceu dos vários escândalos de corrupção sem julgamento, muito menos da PEC 37, tentativa de um deputado da situação para aniquilar os poderes investigativos do ministério público sobre os políticos.

Em sua recente fala à nação, nossa mandatária repetiu promessas, velhas de uma década. E, ainda, para resolver o problema do SUS, reiterou sua pretensão de importar médicos, outra bofetada no rosto dos nossos competentes profissionais de saúde.

Talvez esses mesmos jovens que foram para as ruas até simpatizem com o slogan marqueteiro do governo: “País rico é país sem pobreza”. Entretanto, sua opção parece ser outra: “País rico é país sem corrupção”. Ouviu, Mr Blatter?

52 Respostas para “Das ruas, um susto nos marqueteiros (clique para ler)”

  1. Abelardo Prisco Diz:

    Parabenizo o estimado amigo e toda a juventude brasileira que retornou às ruas arrastando e contagiando com sua força e exuberância o restante da população. Que essa atitude sirva de alerta para todas as autoridades, particularmente aos integrantes do STF para que acelerem o julgamento dos mensaleiros e recolham de imediato à prisão todos os condenados. Que o Congresso Nacional exclua de seus quadros os Deputados condenados que seguem debochando de todo o povo brasileiro.

  2. Luiz Sérgio Salgueiro Diz:

    As manifestações, o grito da ruas pode redundar em mudanças.
    Algumas muito necessárias e outras que virão a reboque.
    Os brasileiros devem, no entanto, estar preocupados e atentos com os aproveitadores. Aqueles que na expectativa da crise surfam na onda oportuna e se apossam da rédeas do poder.
    Que venham as mudanças.
    Embora se saiba que “não se faz omeletes sem quebrar ovos”, espero que possamos viver esse momento decisivo sem grandes traumas.
    Abs

  3. EDMAR LUIZ KRISTOCHIK Diz:

    Sinceramente, senti medo com essa indignação nacional, pensava com os meus botões que a quase totalidade do brasileiros vivem em estado “vegetativo”, mas não é bem assim, a revolta dos jovens mostra que está na hora de promover mudanças profundas, tais como: reforma do nosso Código Judiciário, o país precisa urgente de justiça, chega de bêbados ficarem matando pessoas e saírem andando das delegacias, ou mesmo, menores assassinos continuarem impunes, ou companheiros revoltados assassinarem suas parceiras; acabar com a corrupção, a eleição da Dilma (graças ao Lula) foi uma autêntica falcatrua (o conluio com o PMDB foi vergonhoso), a volta do Renan Calheiros é inadmissível, as reformas constitucionais (Pec 37) são para defender interesses escusos; a saúde está um caos; a educação perdeu a referência; os gastos exorbitantes com a copa são uma vergonha nacional etc. Em síntese, o povo acordou e na hora que a porca torcer o rabo, com certeza, vão novamente lembrar de nós militares.

  4. Joilson Mendes Diz:

    O que espero desta juventude e do povo brasileiro, é que no próximo ano votem com a mesma consciência que manifestam hoje.
    Parabéns pelo artigo e muito obrigado por compartilhar as reflexões. Abraço

  5. Ariel P. da Fonseca Diz:

    Parabéns, meu caro amigo Bonat!
    Com satisfação, li mais este excelente artigo da sua lavra, abordando o caos que ora vive o País e as reações contra as ratazanas políticas que ora devoram a administração pública.
    Calorosos abraços do Ariel.

  6. Paulo Cesar de Castro Diz:

    Estimado e admirado Bonat,

    Cumprimentos efusivos!

    Seu artigo resumiu com clareza o que ainda estamos vivendo. Ele é atraente e completo.
    Parabéns!

    Gen Castro

  7. Gustavo Rocha da Silva Diz:

    Prezado General Bonat:

    Uma análise muito precisa, escrita em tom sensato, comedido e elegante com uns toques de ourivesaria literária que transcrevo com admirção: “Ao seu lado o impoluto Joseph Blatter, tal qual um arauto da moralidade, teve ainda o descaramento …” e tive de interromper a leitura às gargalhadas.

    A referência aos “bumbuns de primeiro mundo” também foi ótima! Muito obrigado.

    Gustavo A. Rocha da Silva

  8. João Henrique Diz:

    Suas colocações, como sempre, foram perfeitas. É muita gente daqui de dentro sangrando os cofres públicos e ainda trazendo gente de fora para o grande banquete. E a bilheteria dos jogos dessa copa das confederações: em quanto importou até agora? E para onde está indo? Nada disso é divulgado e infelizmente isso não vai parar. Nas próximas eleições, ainda que próximas, tudo será devidamente esquecido, a riquíssima propaganda oficial cuidará desse aspecto, e assim o néscio e todos os seus postes serão ungidos triunfalmente nas urnas, pelo escâmbio de vales disso, bolsas daquilo, auxílios reclusão, dentre outros, e tudo voltará à calmaria. Nosso país precisa mesmo é de um controle severo de nossos políticos, e enquanto isso não for possível, eles nos controlarão, invertendo totalmente os princípios da representatividade. O voto distrital poderá ser um primeiro passo na direção do controle dessa gente nociva, mas devem haver outras medidas que desconhecemos, e que somente serão descobertas se houver um debate popular sério sobre esse assunto. As manifestações atuais também serão esquecidas logo logo, uma pena.

  9. bonat Diz:

    EXCELENTE!!!
    JOÃO CARLOS

  10. bonat Diz:

    Prezado amigo Gen Bonat,
    Meus efusivos parabéns, mais uma vez, pela sua brilhante e inteligente abordagem do problema das manifestações populares que tomaram conta de todo o país, pegando de surpresa toda essa camarilha que atualmente avassala o (des)governo do nosso país.
    Esperamos sinceramente que venhamos a colher os frutos dessa imensa insatisfação popular nas próximas eleições de 2014, com o total repúdio a essa malta de políticos corruptos, expulsando-os definitivamente da vida pública do país.
    Talvez seja necessário repetir essas manifestações no ano que vem, na proximidade da data prevista para as eleições. Seria ótimo que isso acontecesse…
    Um grande abraço.
    Amancio.

  11. Gen Arnaldo Diz:

    Estimado Chefe
    Gen Bonat
    Cumprimentos pela excelente e inteligente abordagem dessa problemática que a sociedade brasileira está enfrentando nos dias atuais.
    Parabéns.
    Um fraterno abraço.
    Gen Arnaldo

  12. pedro guetter Diz:

    Isso mesmo Bonat! Mais uma voz contra toda injustiça que aí está!

  13. Brugalli Diz:

    Amigo Bonat. Dar-lhe parabéns pela lucidez de sua crônica, é cair no lugar comum. Mais do que uma crônica é um alerta aos cidadãos de bom senso. Quem viveu l961, l962 e l963, quem observou bem os protestos de agora, tem certeza do porque a sociedade civil bateu às portas dos quartéis em 64 pedindo ordem. O que nos falta é um Castelo Branco… Deus guarde o Brasil e seus filhos. (Em tempo: É verdade o que se diz da criação de uma bolsa prostituta de R$2.000,00 por mês? Tirando de quem? Dos aposentados? Mais do que “ganham” nossas queridas mestras?).
    Um cordial abraço do Brugalli.

  14. Alfredo Cherem Filho Diz:

    Meu Caro General
    Muito bem colocado sua crônica, retrata o momento triste em que testemunhamos a incompetência aliada à corrupção, tão danosa à nossa pátria, e com reflexos imprevisíveis à frente, espero que o líder que ainda não apareceu seja do bem. Obrigado pelo envio.
    Um Grande Abraço
    Alfredo 23.06.13

  15. Robert Henriques Diz:

    Caro amigo Bonat,
    Mais um texto coerente e que expressa com muita clareza a aflição de todos que esperam um Brasil justo e livre de tantos corruptos. Só lamento que não tenhamos ainda alguém que possamos apontar e dizer : Este me representa. Vamos aguardar e ver se tiramos algum coehho da cartola.
    Fraterno abraço.
    Robert

  16. bonat Diz:

    Prezado amigo Bonat

    Olá Bonat ! Tudo bem?

    Muito bom o texto, como sempre.

    Estou interessado no livro em Túneis, Tatus e Ora Bolas!

    Um abraço,

    Costa Lemos

  17. bonat Diz:

    Muito bom, amigo! Estou divulgando! Marco

  18. bonat Diz:

    Estimado AMIGO e CONFRADE.
    Visitarei o Blog. Sua preocupação é a minha e, creio, de muita gente também, desde que comprometida com um destino saudável para esta Pátria.
    Tenho me perguntado: será que é missão para os jovens SALVAR ESTA PÁTRIA? Penso que somente deles, não. Continuo confiando, e confiando muito na nossa tradição democrática, bem como guardo em minha memória o meu passado vivido, e suas experiências para a preservação da história e dos feitos que fizeram e que a preservaram.
    A HORA É DO BASTA Á CORRUPÇÃO, DESMANDOS, JAMAIS! PUNIÇÃO AOS FORA DA LEI, JÁ! PEC 37 NO LIXO, etc…etc..
    Continuo em pé e a ordem pela Pátria comum. CONSIDERO-ME ALISTADO…
    ESTIVE adoentado, e ainda continuo em tratamento de saúde, razão da minha demora em lhe agradecer a sempre fidalga e amiga distinção para com minha pessoa, agora em presenteando-me com sua Obra Literária TÚNEIS, TATUS E ORA BGOLAS! Está próximo do meu travesseiro.
    BOM DOMINGO.
    joão darcy

  19. Daniel Pedro Diz:

    Caríssimo Gen!
    Infelizmente na minha opinião o voto no Brasil não muda mais o rumo, o que tem que mudar são as Leis, Leis severa, que prendam os corruptos de verdade.
    Mas infelizmente, no Brasil tudo vai piorando. E o protesto com vandalismo é normal em todo o mundo, é a mesma coisa que vc abrir um estabelecimento comercial e achar que não vai ter inadimplente. Mas não sei quanto tempo, quantos anos , mas talvez não estaremos mais aqui , mas se encaminha para uma guerra civil.

  20. Brasil Diz:

    Perfeito o artigo, somente não concordo muito qdo a parte do Zé Blater, ele foi muito educado, pois a intenção verdadeira dele era dar um chute na Bunda da Dilma. Na Bunda dos brasileiros a FIFA já chuto muito antes. Agora eles já pagam o pato: http://atahualpa001.blogspot.com.br/2013/06/brasil-esta-acordando-fifa-ja-esta-se.html

  21. Gabriel (Oliveira) Diz:

    Prezado Comandante:

    Parabéns pelo comentário, como sempre preciso e direto, explicando o que está acontecendo. Mas o Sr. sabe a minha opinião a respeito desta classe política que aí está, (TODOS) sem nenhuma exceção, político Brasileiro bom existe sim, (DEBAIXO DA TERRA) onde todos deveriam estar ou então atráz das grades trabalhando para pagar sua própria comida, e isso é a vontade de 9 entre dez brasileiros conforme tenho percebido nos bate-papos com amigos e conhecidos, torço pra isso não parar mais, esta corja só vai aprender a respeitar o povo quando sentirem NA PELE a revolta do povo.

    Forte abraço
    Gabriel (Oliveira 643)

  22. bonat Diz:

    Muito bom, bonat. Acho que o governo está perdendo ou já perdeu o controle da situação. Vamos ver até onde chegaremos.
    Abrs
    Paulo Cesar

  23. bonat Diz:

    Ao amigo Bonat
    Concordo totalmente.A dificuldade é a falta de opções.
    Mas pelo menos houve uma demonstração de que há necessidade de mudanças. Aguardemos os desdobramentos, já que o pronunciamento da “presidanta” foi lastimável, não demonstrando nenhuma esperança.
    Um abraço
    Renato

  24. Esther Beatriz Diz:

    Caro Hamilton,

    Parabéns pela excelente crônica, você traduzui com

    gênialidade o momento em que vivemos.

    Um abraço.

    Esther Beatriz

  25. josé rota Diz:

    … realmente. Já ouvi algumas pessoas do partidão se vangloriarem dos grandes estádios construídos para a Copa. O Povo se lembra sim: a) Do aumento de 100 % da luz paga aos vizinhos paraguaios, coisa de Lula; b) Da tomada da Petrobrás pelos Índios – nada contra eles, mas o descaso público; c) O Perdão de dívidas de países africanos de créditos brasileiros sem qq consulta à população; d) da promessa de diminuição da continha de luz e a informação concorrente de seu provável aumento; e) da alardeada possibilidade de se aposentar em algumas horas e do pronto de adequado atendimento médico-hospitalar; e) … f) só faltava mesmo sensibilizar o povo brasileiro de que devolver o território do Acre para os Bolivianos seria algo simpático e bom para todos. No meu tempo de jovem (e já se vão uns 40), um governamnte que assim procedesse seria considerado traidor da Pátria, vendilhão da Nação. Mas … há controvérsias. abçs José Rota.

  26. Laura Vaz Diz:

    Caro general:
    Não sobrou nada para eu comentar sobre seu texto. Todos falaram exatamente o que eu falaria. Espero que esse movimento seja bem forte na época das eleições para que se possa fazer uma faxina na lista de candidatos pois meu temor é serem eleitas as mesmas aves de rapina de sempre. Tomara que a memória do povo esteja límpida e clara nessa altura.
    Mais uma vez parabéns pelo texto, como sempre impecável.
    Forte abraço.
    Laura

  27. Joaquim Rocha Diz:

    Prezado amigo Bonat
    As manifestações tomaram tal vulto que já não adianta a Presidente resolver só o problema do transporte coletivo; terá que encaminhar todos as ouras reinvindicações; e não adianta dizer que as Arenas foram financiadas, ou insistir nos “médicos” cubanos, ou reeditar as promessas de oito anos atráz. Os jovens de todo o Brasil acabaram de colocar uma batata quente nas mãos da Dona Dilma(e vai esquentar mais).
    Como sempre, sua crônica é justa e oportuna.
    Abraços do amigo
    Cel PM Joaquim Rocha

  28. ROSELENE FERREIRA Diz:

    MEU QUERIDO AMIGO
    NEM SEI O QUE VOU ESCREVER.
    DIZER DO BRILHANTISMO DA TUA CRÔNICA É ME REPETIR…
    ENTÃO VOU TE FALAR DO MEU CONTENTAMENTO!!!!!! ESTOU E U F Ó R I C A COM O QUE ACONTECEU. NÃO MORRI SEM VER NOSSO GIGANTE LEVANTAR-SE!!!!
    SÓ DE VER AQUELA VELHA TER TIRADO O CASAQUITO VERMELHO (OBRIGADA PELA SITUAÇÃO,É CLARO) E TROCADO POR UM SALMÃOZINHO,JÁ ME DEIXOU ENLEVADA!!!!! MESMO QUE DESPEJANDO UM MONTE DE BOBAGENS QUE SÓ PIOROU A SITUAÇÃO.
    FOSTE MUITO FELIZ EM TUDO O QUE COLOCASTE. É A MAIS PURA REALIDADE!!! QUE BOM QUE NOSSOS JOVENS MOSTRARAM A FACE E TOMARA QUE NÃO DEIXEM BARATO.TOMARA QUE NÃO PAREM POR AÍ.
    UM ABRAÇO SAUDOSO.
    ROSELENE

  29. Afonso Pires Faria Diz:

    Amigo Bonat
    Nenhum brasileiro deveria deixar de se manifestar referente ao que está acontecendo no nosso país. O problema é que, infelizmente, isto vai dar em nada. Um bom marqueteiro, para um povo ignorânte, transforma limão em limonada. Foi o que fez a D. Dilma. O povo quer saúde? que se importe mais médicos, quer transporte? que se crie mais uma bolsa, a “bosa transporte”, quer mais educação? que se carimbe as verbas do pré-sal, este ouro negro imaginário. Tudo o que ela queria fazer e tinha medo, porque o povo poderia dar em grito, agora é transformado em clamor popular. Assim foi com a redução do preço da energia, decretado pela justiça e o marqueteiro o transformou em benece. O roubo está sendo devolvido. Amém.
    Afonso Pires Faria

  30. GABRIEL CRUZ PIRES RIBEIRO Diz:

    Bonat,
    Acredito que o maior erro da dilmavigarista e do lularápio foi deixar de criar a bolsa torcedor ou outra bolsa ingresso para a copa. Assim, grande parte da população percebeu que não tem condições de assistir nessas cadeiras numeradas de primeiro mundo nenhum jogo da copa. Os Estádios não foram construídos para os bolsistas participantes desses programas assistencialistas, a não ser que estejam entre os trabalhadores voluntários da FIFA, que já demonstrou a incompetência de seu presidente, ao interferir nos problemas internos do Brasil, e não tem recursos para remunerar seus colaboradores. José Rota, um dos comentaristas de seu artigo, começou a relacionar os grandes erros cometidos nos últimos dez anos. Uma boa ideia criar essa lista que vai ficar muito longa. A população começa a perceber que o Brasil não tem condições de sediar uma copa do mundo, quando o governo corruPTo faz obras superfaturadas e se esquece das necessidades básicas. É lamentável, também, que grupos de vândalos se aproveitem para agitar, destruir etc.
    Abs.
    Gabriel (029)

  31. Salazar Diz:

    Te superastes meu amigo.Excelente.
    Quero acrescentar que li, de alguém esses dias, “O GIGANTE ADORMECIDO, ACORDOU E FALOU: FILHO MEU NÃO FOGE Á LUTA ”
    UM GRANDE ABRAÇO, SALAZAR.

  32. Mario Gardano Diz:

    Amigo Bonat,retrato dos dias de hoje, exploração da miséria e da ignorância do povo, mas uma surpresa agradável, deixou Dna Dilma e o partido sem escada com a broxa na mão, espero que logo eles caiam, e que o tombo seja bem grande, sem retorno.

  33. Roseni Palmira Tabalipa Diz:

    Prezado General Bonat:

    Todos falaram tudo, mas sobrou para minha humilde pessoa, dizer que suas crônicas são inimitáveis e verdadeiras.
    Infelizmente, nosso povo reenvidica errado. Porque baderna e vandalismo, não levam a nada. Precizamos de mudanças, lá em Brasília, para começar. Como não sou muito adepta de política, só me resta esperar as mudanças.
    Um imenso abraço e não esquecí seu livro. Pegá-lo-ei, ainda esta semana. Mas ligo antes. Abraços e boa noite. Roseni.

  34. anita zippin Diz:

    COLEGA DAS LETRAS

    BOM ARTIGO, CONTUNDENTE, DESTEMIDO E AO MESMO TEMPO NOS COLOCA A PENSAR NO FUTURO.
    VAMOS ACREDITAR EM MOMENTOS BONS, MAS A DEMOCRACIA DESTA VEZ FALOU MAIS ALTO.
    TERÃO DE SE CUIDAR OS CORRUPTOS DOS BILHÕES.
    CONTINUE COM A GARRA E A CORAGEM DAQUELES QUE VIERAM AO MUNDO COM A MISSÃO DE BRADAR, JAMAIS SE CALAR.

    ABS

    ANITA ZIPPIN

  35. MIGUEL ARCANJO Diz:

    Que estes protestos sirvam de lição aos mais velhos acomodados e omissos que muito falam, mas não agem. Falta coragem? Comodismo? Ou medo de conceito e não ser promovido? Ou é preguiça de tirar o pijama?
    Parabéns aos jovens que não aceitam a alienação e as mentiras de “TODOS” OS NOSSOS GOVERNANTES.
    Mesmo o “vandalismo” pode ser explicado como sinal de revolta, de impunidade, violência, de sinal de menosprezo dos governantes, falta de escola, de saúde, ….

  36. Carlos Nascimento Diz:

    Caro Amigo Gal. Bonat

    Na minha modesta avaliação considerei perfeita sua análise. O que eu temo é que a falta de uma liderança mais representativa e a falta de um rol de reivindicações bem definido e bem elaborado, possam, paulatinamente, esvaziar essa capacidade de resposta da população. Temo que qualquer Bolsa-Esmola que seja proposto amorteça a indignação latente, inibindo as conseqüências esperadas.

    Forte abraço

    Carlos R. do Nascimento

  37. Amaury Koschinski Diz:

    Caro amigo General Bonat: Já estava preocupante a apatia do povo com os desmandos políticos e a tentativa do governo que erroneamente trabalhou para trazer para o Brasil s Copa do mundo, cujos problemas sabemos sobejamente. Felizmente veio a movimentação. Sua crônica, como as demais, caraterizada de forma inteligente e clara, retrata bem a realidade. Tomara que isso não seja esquecido nas próximas eleições. Parabéns.

  38. Betty Diz:

    É uma “sacudida” num País que pouco reage às injustiças.É o que penso sobre tudo que vejo. D. Dilma, no mínino, está assustada. Abraços

  39. bonat Diz:

    Caro amigo Gen Bonat.
    Acho que esse levante do passe livre foi apenas um ponto de partida, pois, toda situação sócio econômica do país está de mal para pior. Seu artigo sintetiza muito bem a situação vivenciada. Cumprimentos e abraço do Zartão.

  40. J.Koffler Diz:

    Caro amigo Bonat: Meus leitores fieis, habituais acompanhantes dos meus artigos em incontáveis colunas, sites etc., estranharam não ter havido, ainda, nenhum comentário da minha lavra sobre todo esse movimento social de contestação. Pois bem, o motivo é realmente esse: não acredito em “milagres”, principalmente quando são claramente e demasiadamente ostentatórios, o que me induz a associá-los à adjetivação de efêmeros.
    Seu artigo que ora comento é uma espécie de chancela ao que eu penso. Todo esse movimento pode ter tido, mui provavelmente, o condão de desgastar o governador de SP, preparando o caminho para a conquista do maior colégio eleitoral do país. Falhou.
    Mas, permissa maxima venia, discordo (mesmo que em parte) com essa possibilidade desses jovens protestadores seguirem em frente com suas reivindicações. Penso que logo arrefecerão, subvertidos por qualquer outro falso atrativo que esse decano governo poderá lhes ofertar, com os nossos suados recursos.
    Um país não se muda mediante estratégias paliativas e transitórias, mas sim com projetos sérios, bem fundamentados e democraticamente aprovados. E isto passa, necessariamente, pela reconstrução substancial e profunda do nosso sistema político nacional – a começar pelos próprios. Fraternal abraço e parabéns pelo artigo.

  41. Vanin Diz:

    General Bonat, caro primo e amigo:
    E sabe quem a “presidenta” Dilma vai chamar para dialogar e buscar soluções ? Os sindicatos, associações, movimentos de esquerda diversos inclusive o MST e os partidos políticos. Realmente eles não estão entendendo nada. Abç

  42. Santa Maria Diz:

    Hamilton,
    No livro “Túneis, Tatus e Ora Bolas” voce fez uma apresentação que relata o período abrangido pelas crônicas. Me impressionou o vaticinio do escritor que, através dessas crônicas, demonstrou a insatisfação da população e o caminho do movimento que hoje vemos eclodir. Oxalá saibamos, a população brasileira, definir um bom rumo para o nosso país, inclusive definindo o COMO encontrar governantes sérios e honestos através de uma reforma política que não previlegie os que hoje governam.

  43. Medeiros Dias Diz:

    Prezado amigo Bonat. Já é lugar comum elogia-lo por sua considerações sobre o momento que passamos mas, essa sua ultima crônico foi um arpão no coração dos governantes e dos safados governados e congressistas. Graças a Deus nossas FA estão caladas e que Ele não permita que os corretos manifestantes as chamem, como em 64.Uma seria atitude, aguardo que seja tomada para que possamos retomar nossa paz.Estou solidário com você e que venha a rejeição da PEC-37. Um abraço.

  44. luiz carlos martins Diz:

    Prezado combatente muito bom o seu artigo, temos que mudar esta Pais .

  45. bonat Diz:

    Prezado Hamilton,
    > Bem posto e oportuno o texto.
    > Não sei se as manifestaçoes recentes significam mesmo uma tomada de consciência por parte da juventude. Tomara que sim. É coisa que veremos. De qualquer modo, fica bem demonstrado o poder de mobilização da internet, e tal constatação deve realmente preocupar, e muito, os políticos e donos do poder.
    > A pauta para protestos é extensa. E reafirmo o que venho insistindo há tempos: só o medo físico poderá mudar o Brasil.
    > Parabéns por mais esta crônica.
    > Abraços,
    > Joaquim

  46. Nestor Jesus de Sant'Anna Diz:

    Prezado General Bonat. Parabéns! Na ferida, em cheio, principalmente quando o Sr.diagnosticou que os marqueteiros petistas decidiram-se por lançar o MPL(mais os aliados PSOL e PSTU) contra o governo de SP,para desestabilizá-lo e certamente pavimentar o caminho pro “9fingers” sair candidato a governador. Deu “chabu” e o ferrolho passou tinindo nas orelhas da petebada. O movimento virou nacional, até no Amapá o bicho pegou, e 99.\.dos manifestantes gritaram e ainda gritam a emocionante frase: “S E M P A R T I D O”. Como disse uma pessoa em texto anterior, até a “presidanta” tirou o casaquinho comuna. Parabéns e, p.favor, jamais ensarilhe o mosquetão !!! Brasil acima de todos “elles”. Licença, cb 244 Nestor – Santos\SP

  47. Zatti Diz:

    Amigo Bonat, A mira de sua caneta continua bem calibrada! É isso aí e mais meio quilo de farofa, General.

  48. Boanerges Lavra Junior Diz:

    Prezado amigo e chefe General Bonat. Agradeço sua consolidação dos fatos que estão ocorrendo, resumindo de forma clara e inteligente o sentimento reinante no seu de cada brasileiro. Realmente este movimento, nascido do clamor popular, fez explodir na alma do brasileiro toda sua indignação com os diversos desmandos nos poderes da república. Precisamos fortalecer nossos irmãos para que tenham consciência nas eleições e que possamos iniciar uma nova era para este País tão maravilhoso.

  49. Gilmar Barbosa Diz:

    Prezado Gen Bonat.

    O atual (des)governo começou o xadrez maquiavélico das manifestações, com um lance da Abertura Ortodoxa Comunista, usando os Peões centrais do MPL nas ruas de diversos Estados brasileiros, com vistas ao cheque-mate no Regime de Governo Brasileiro, ainda democrático.

    A resposta da sociedade civil foi com um lance inédito empregando Peões caras-pintadas-de-verde-amarelo, SEM SABER que este movimento também está previsto na citada estratégia Ortodoxa Comunista.

    Depois, o atual (des)governo incorporou nesse jogo ardiloso, Peões caras-pintadas-de-sangue, os quais estão fazendo o maior estrago nas defesas democráticas deste País, tomando e destruindo Torres, ferindo Bispos de fato cristãos e, principalmente, ameaçando capturar a Dama conhecida como Liberdade.

    Se a sociedade civil não empregar os Cavalos de que ainda dispõe, num contra-ataque surpresa no centro do tabuleiro e no flanco esquerdo do atual (des)governo, é bem provável que esse jogo político-terrorista termine, em breve, com a eliminação dos Peões caras-pintadas-de-verde-amarelo, a captura da Dama Liberdade e, consequentemente, a capitulação do Rei democrático e a vitória do atual (des)governo comunista.

  50. bonat Diz:

    Pois bem. A nossa Presidenta é uma mulher de fibra.
    Na juventude pegou em armas por acreditar no seu ideal. Foi torturada mas não entregou os companheiros.
    Agora, na maturidade, novamente esta levando pancada para defender UM companheiro.
    Acho que não tem culhao (será?) pra agüentar mais 4 anos ( nem, nós).
    Chega de intermediários! A conta a ser acertada com o Pais é com o Lula!
    Se o cabra é macho mesmo,deve participar das eleições presidenciais do ano que vem, pra encarar o povo agora que todas as suas mentiras e roubalheiras estão sendo desmascaradas.
    Alias, se a tese do Elio Gaspari, de que o Joaquim Barbosa pode entrar no páreo ,vai ser interessante.
    Qual vale mais? Um nordestino semi- analfabeto de origem humilde, mas inteligente e safado,ou um negro culto de origem humilde,mas inteligente e instável.
    Seria um duelo interessante,mas preocupante.
    Teria de ser acompanhada de uma reação popular,nas urnas,amparada nas revoltas nas ruas, como por exemplo, não votar em candidatos do PMDB,parasitas e coniventes com governos corruptos e que não dariam trégua a um novo governo, que totalmente parcial,na minha opiniao seria do Joaquim.
    Quanto ao Lula,após levar uma sova nas urnas,que se contentasse com as ruas, avenidas, praças que teriam o seu nome,com o epíteto de que “nunca na historia desse pais houve um presidente que teve uma trajetória tão brilhante ” e parasse de encher o nosso saco. Zé Luís.

  51. João C.Bbonat Diz:

    Caro Hamilton,parabéns.Não deixe a oportunidade passar,es-creva e escreva sobre esse movimento que sera historico se
    alcançar seus objetivos de longo prazo.Estes jovens…somos todos nós nas ruas. Engrossamos o movimento.Mas,é muito facil ludibriar o povo,a maquina propaganda/belas palavras é poderosa.Temos no país uma conduta politica de pouco dissernimento , cobrança e muito esquecimento.O objetivo do protesto hoje é a má conduta politica, este foco não deve ser perdido de forma alguma,mas o povo tambem deve mudar.Para tal intento continue brilhantemente a divulgar suas cronicas que as endossaremos.Obrigado.

  52. José Leal Diz:

    Perspicaz leitura dos fatos recentes.
    Memória da história contemporânea.
    Forte abraço.

Deixe um Comentário